Perguntas Frequentes

Se você não encontrar sua dúvida por aqui entre em contato conosco, estamos disponíveis para ajudá-lo.

É um processo autocompositivo, no qual um terceiro, imparcial, mediador, utiliza de técnicas de comunicação e negociação para  auxiliar as partes envolvidas a encontrar soluções criativas para suas demandas.

Após a escolha do mediador esse se reunirá separadamente com os participantes para entender melhor os diferentes pontos de vista e interesses de cada envolvido para, então iniciar os atendimentos que serão consecutivos e semanais ou de acordo com a disponibilidade dos contratantes.

Os interessados em contratar o serviço de mediação devem comparecer a câmara com informações que viabilizem contactar os demais envolvidos na demanda e assim, promover o convite para inicio dos trabalhos.

A mediação pode ser paga por quem solicita ou dividido por todos os envolvidos.

Considerando-se que a mediação é um processo informal e flexível torna-se mais barato e rápido. A inclusão dos envolvidos no processo decisório aumenta a satisfação e diminui o risco de descumprimento dos acordosconstruídos.

A mediação é adequada na hipótese das relações cuja manutenção é importante após a resolução do conflito.

Já a conciliação é mais apropriada para conflitos circunstânciais, motive pelo qual nao há necessidade de convivência entre os envolvidos depois de resolvida a demanda.

Qualquer pessoa com mais de dois anos de conclusão da graduação e devidamente capacitado para a condução de mediação de conflitos.

Para ser conciliador basta ser capacitado para exercer a atividade. Não há necessidade de ser graduado para se tornar um conciliador.